segunda-feira, 31 de maio de 2010

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Laika

Já afirmei aqui que quanto mais conheço as pessoas, mais gosto do meu cachorro. Eles são seres formidáveis mesmo quando nós “pessoas inteligentes” os tratamos como lixo. Quem dera pudesse viver como eles vivem, um dia de cada vez com a roupa do corpo, sem preconceitos, tabus ou regras tolas que somo submetidos. Cachorro é humano, humano é cachorro (quase sempre).

A oito dias atrás a Hilda confundiu um cachorro perdido com nosso Junior, que também continua perdido. É uma cadela da raça Collie que estava aparentemente perdida buscando seu dono e mesmo não nos conhecendo, entrou no carro e ficou com a gente esperando o que pudesse acontecer.

Depois de um banho e cuidados básicos aguardou pacientemente com nossos outros três cachorros seu final feliz. Hoje ao ir a uma casa de Pet Shop,a Hilda comentou que havia encontrado um cachorro e logo a dona identificou seu dono, um barbeiro vizinho de comércio. que até chorou quando ficou sabendo.

Na hora do almoço um senhor já idoso veio buscar a Laika e descobrimos que ele e ela tinham uma relação muito forte. Ele não tinha palavras e ficou tão agradecido que se dispôs a pagar uma gratificação, prontamente descartada por nós.
No fim, foram embora a dupla e nós continuamos a busca pelo nosso Júnior.

.....................................................................................




Laika, (1954 - 1957), também é o nome de uma raça de cães da Sibéria e norte da Rússia, foi o primeiro ser vivo a orbitar a Terra e o fez a bordo da nave soviética Sputnik II, em 3 de novembro de 1957, um mês depois do lançamento do satélite Sputnik I, o primeiro objeto artificial a entrar em órbita.

Laika era uma cadela que vivia solta nas ruas de Moscou, pesava aproximadamente seis quilos e tinha três anos de idade quando foi capturada para o programa espacial soviético. Laika morreu entre cinco e sete horas depois do lançamento, bem antes do planejado. A causa de sua morte, que só foi revelada décadas depois do voo, provavelmente, uma combinação de estresse sofrido e o superaquecimento, talvez ocasionado por uma falha no sistema de controle térmico da nave.

Em 11 de abril de 2008 foi inaugurado um monumento em honra à cadela Laika no centro de Moscou. O monumento foi colocado em uma alameda perto do Instituto de Medicina Militar, onde ocorreram há mais de meio século os experimentos científicos com a participação da célebre cadela. A figura de bronze, de dois metros de altura, representa um dos segmentos de um foguete espacial, que se transforma em uma mão humana, sobre a qual está o corpo de Laika.

Yuri Gagarin, o primeiro cosmonauta da história disse:

Ainda hoje não sei se eu sou o 'primeiro homem' ou o 'último cachorro' a voar ao espaço.



quinta-feira, 27 de maio de 2010

Boa música

Uma da música cheia de sabedoria.

Elis era gaúcha e morreu na capital paulista alguns dias depois do meu nascimento.

Deve ter tocado muito quando era recém nascido. Vai ver é por isso que aprecio o trabalho dela.

Seus filhos também são cantores muito bons, Pedro Camargo Mariano e Maria Rita.

Elis Regina
Como Nossos Pais

Puxou a quem?

Coisas do Sul

Ai debaixo tem um lago, tem um lago ai debaixo. - Passo Fundo/2010

Nós










Que dor no coração

Inteira e abandonada.

Tombo

Ontem a Valentina tomou um tombo e machucou o rosto. Ficou bem roxo.
Estava com a Tata/Babá, que não soube explicar direito o que aconteceu.
Tá na hora de resolver alguns assuntos pendentes, e logo.

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Coisas do Sul

Aniversário da Gabi - Associação da CEEE

Há!

Coisas do Sul

Parou no tempo - Passo Fundo 2010

Jeito pra coisa

Adora ferramentas...

Foguinho



Já faz algumas semanas, mas tive o enorme prazer de receber um antigo amigo de faculdade. O João, mais conhecido como Foguinho. Ele veio à um casamento em Erechim e acabamos por conversar por uma hora, tempo suficiente para matar a saudade de um bom amigo além de colocar o assuntos em dia.

É bom saber também, que apesar de passado 5 anos de minha formatura, muitos dos meus colegas conseguiram se estabelecer profissionalmente mantendo um certo vínculo com a sua formação. Agora eu também já estou usando muito do que aprendi no passado, inclusive pude contar com a ajuda de alguns colgas nessa nova empreitada.

Ontem

Ontem brincando com a Valentina, dávamos altas gargalhadas. Ela adora laranja.

terça-feira, 25 de maio de 2010

Fim da picada

Ontem foia última injeção. Tudo está bem.

Boa música

The Guritles
Help - Canto Alegretense


segunda-feira, 24 de maio de 2010

Boa música

O baterista desta música vale ouro.


Elvis Presley
Suspicious Minds

domingo, 23 de maio de 2010

Boa música

Não sei qual é a melhor versão.

Elvis Presley
Something


sábado, 22 de maio de 2010

Boa música

Something
The Beatles


Bom gosto

Belinas, Caravans, Quantums, Elbas e afins já estão em extinção, e faz tempo.

O que será quando a grande massa da construção civil descobrir que acabou?

Resposta abaixo:


sexta-feira, 21 de maio de 2010

Que dor no coração


Boa música

Vou "proveitar" a oportunidade para avisar que já estamos na terceira injeção e tudo corre bem. Os sintomas cederam e a temperatura ambiente vem ajudando um pouco. Ontem ela usou o Zulu de apoio para ficar de pé. Imagina um Pincher segurando uma bebezinha de nove quilos no lombo...

Bom fim de semana a todos.


Ilustre desconhecido
You Never Give Me Your Money


quinta-feira, 20 de maio de 2010

Dear Colin:

Retirado do site portugues: continental-circus.blogspot.com

A Valentina se recupera bem.

Dear Colin:

Ao contrário de alguns podem querer passar, eu tenho a certeza que estás morto, e bem morto, fulminado por aquele ataque cardíaco que tiveste naquele já longo 14 de Dezembro de 1982, depois de teres vindo de Paris. Contudo, posso te dizer que de vez em quando, especialmente nos 1º de Abril, soltamos umas risadas quando escrevemos aquelas noticias de que tu estás vivo, algures no Mato Grosso, e és instrutor de vôo, com um filho chamado Clarque... as risadas que mandamos aqui na Terra!

Mas enfim, escrevo-te isto para dizer o quanto é que te admiro. Pelo projecto que ergueste, pelas ideias que tu tiveste, pela extraordinária contribuição que deste ao automobilismo em geral e à Formula 1 em particular. Foste tu que nos abriste um novo capitulo, totalmente diferente daquele que as pessoas julgavam não existir. Podes não ter sido o primeiro, mas tu escancartaste a porta, no dia em que começaste a usar aquelas asas, e depois decidiste fazer um carro totalmente dependetne da aerodinâmica, aquilo que todos nós chamamos de efeito-solo. Uma asa invertida num carro para o agarrar no solo. Que ideia genial, Colin!

Tinhas jeito para a mecânica e quiseste um sitio para passar as tuas ideias do papel para a prática. Foi por isso que fizeste a Lotus, para construir os teus carros para a competição e vendê-los ao público em geral. Hoje em dia os teus carros continuam a ser vendidos e admirados um pouco por todo o mundo. E a um preço acessível, pois é mais barato ter um Lotus Elise do que ter um Porsche 911 ou um Ferrari qualquer. Nâo querias mostrar elite (apesar de teres um modelo com esse nome) mas querias que o dono do carro tivesse orgulho em ser proprietário de um carro que vencesse corridas, como acontecia a cada 15 dias, com modelos de competição lendários como o 49, 72, 79 ou depois de tu morreres, o 98T.

O chato é que as tuas ideias faziam arriscar os pescoços dos teus pilotos. Deve-te ter sido díficil que uma das tuas criaçõester matado um dos teus melhores amigos, o Jim Clark. Ou a tua nova obcessão, o Jochen Rindt. E mais tarde outro dos teus pilotos mais queridos, o Ronnie Peterson. E foi pena não teres conhecido e trabalhado com o Ayrton Senna. Acho que terias gostado desse génio das pistas, terias ficado imediatamente atraído por ele e não deixasses largar por nada deste mundo...

Mas não te compreendo outras facetas tuas. Estavas assim tão desesperado para assinares um "pacto com o Diabo", na forma de John DeLorean? Ou ainda antes, com aqueles milhões que tinha o David Thieme, um tipo tão misterioso aos olhos de todos, que apareceu da noite para o dia com milhões a especular petróleo da sua Essex? estavas assim tão desesperado para salvar a tua equipa, ou era mais uma das tuas facetas, de uma personalidade tão complexa que tu eras, com tantas vidas duplas?

Se calhar, a tua loucura era o preço a pagar por tal genialidade.

Não sei se gostarias desta Formula 1 actual. Decerto tu não permitirias o desaparecimento da tua equipa por 15 anos na categoria máxima do automobilismo, recuperada por entusiastas malaios que anos antes, salvaram a tua companhia automobilistica da extinção. Acho que não ias gostar de ver esta gente toda, que está sedenta de dinheiro, de vitórias, de um regulamento cada vez mais apertado, de ser queixinhas cada vez que qualquer um aparece com um novo gadget aerodinâmico, afirmando que não está de acordo com o regulamento, porque assim se gastaria mais e mais, só para conseguir aquele milésimo de segundo que prmita bater a concorrência. Tu fazias isso, lembras-te? E a concorrência punha as mãos à cabeça sempre que aparecias com mais uma das tuas invenções.

Tens sorte. Hoje em dia continua a haver entusiastas pela tua equipa e mesmo os mais emperdenidos, quando souberam do regresso da tua marca à cena da Formula 1, hoje em dia reconhecem que as pessoas que estão à sua frente são altamente profissionais e altamente competentes, dispostas a honrar o teu nome e o teu legado. Eles estão ansiosos por ver mais uma vez o chapéu que levavas colocado, e que o atiravas ao ar sempre que um dos teus bólidos, conduzidos por Clark, Rindt, Hill, Fittipaldi, Peterson, Andretti e De Angelis, cruzasse a meta em primeiro lugar. Foram 79 vezes, todas elas inesquecíveis. E a cada corrida que passa, acham que a 80ª está para breve.

Caso aconteça, cá estaremos para a comemorar. E tu, onde quer que estejas, espero que sorrias perante mais uma das tuas máquinas.

Sincerly yours, from a truly fan.

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Report

As últimas novidades não são muito boas. Descobrimos um início de pneumonia na Valentina que já está sendo tratado com o uso de algumas doloridas injeções. Pedi ao médico se poderia aplicar em mim o remédio para ela ficar bem. Ele disse que não.

Por aqui tem feito muito frio e chuva constante. Por mais que se cuide não há como cuidar todo o tempo e ora ou outra as crianças acabam pegando friagem. É relativamente comum esta e outras doenças como gripe e resfriado nesta época do ano. Mas vai ficar tudo bem, não há motivos para preocupação.

O volume de serviço está alto. Está difícil postar como antes.

sexta-feira, 14 de maio de 2010

A sabedoria de um mecânico

O Chico é um técnico em injeção eletrônica e um dos funcionário mais antigos em uma oficina.

Em uma entrevista ele falou como foi o começo de sua vida na mecânica.

Infância pobre, não teve oportunidade de estudo, como muitos no Brasil. Começou aos 9 anos de idade, um Sr. Japonês o tirou da rua e ofereceu um emprego de ajudante em sua oficina.Quando este senhor percebeu que ele já sabia tudo sobre mecânica disse:

"Do mesmo jeito que eu te ensinei...Você tem uma missão, ensinar também os outros, ajude outras pessoas a aprenderem mecânica. Dê oportunidade a outras pessoas a possuírem uma profissão, da mesma forma que eu fiz com você!"

É isso.

Familia

quinta-feira, 13 de maio de 2010

Bird, genial.

Genial, genial!







Boa música

Dizem que o som do Matra V12 (o carro azul) é de arrepiar.
Espero um dia ouvi-lo.

A música é uma sátira.

Robbie Williams
Supreme


quarta-feira, 12 de maio de 2010

Corcel II

Ótimo carro.

http://espnbrasil.terra.com.br/limite/video/120543_VIDEO+INDIANA+GOMES+MOSTRA+OS+SEGREDOS+DE+MAIS+UM+CARRO+DE+COLECIONADOR

Pais e filhos

Boa música

Dido
Take my hand


terça-feira, 11 de maio de 2010

segunda-feira, 10 de maio de 2010

domingo, 9 de maio de 2010

Faz igual?

Vai gauchada, agora faz igual...

sábado, 8 de maio de 2010

sexta-feira, 7 de maio de 2010

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Cortador de grama modelo F1

Piadinha

O homem está sentado no avião, ao lado de uma menininha. O cara olha a criança e lhe diz:

- Vamos conversar? Tenho certeza que a viagem parecerá mais rápida. O que você acha?
A menina, que acabara de abrir um livro para ler, o fecha lentamente e responde com voz suave:

- Sobre o que gostaria de conversar?

- Bom, não sei... - disse o homem. - Que tal física nuclear? - e mostra um grande sorriso.

- Bom.- diz a pequena - Esse parece ser um tema interessante. Mas, antes, gostaria de lhe fazer uma pergunta: o cavalo, a vaca e a ovelha comem a mesma coisa: capim, não é mesmo? Porém, o excremento da ovelha é um monte de pequenas bolinhas, o da vaca é uma pasta e o do cavalo é um monte de pelotas secas. Por que o senhor acha que isto acontece?

O cara, visivelmente surpreso com a inteligência da menina, pensa durante uns momentos e responde:

- Hmmm, não faço a menor idéia.

E então, a menininha diz:

- Sinceramente, o senhor se sente qualificado para discutir física nuclear se não entende de bosta nenhuma?

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Que dor no coração

Pisando em formigas

Um animal tão frágil que esmagamos com nosso dedo. Porém nos surpreende em seu modo de ser. Ela não espera o dia mal para se preparar, em todo tempo ela trabalha. Muitas vezes você nota que elas carregam pedaços de folhas muito maiores do que elas. Evidente que não vão se alimentar de tudo, mas uma parte vai para a rainha e uma parte para um depósito que as sustentará quando o inverno chegar.

As formiguinhas são um explemplo...

terça-feira, 4 de maio de 2010

segunda-feira, 3 de maio de 2010